quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Não ter religião

.
"Crê nos que buscam a verdade,
duvida dos que a encontraram."
(André Gide)
.


Eu já tive religião.
Hoje, não tenho mais.
Não ter religião
é conviver com a insuficiência
das poucas respostas que temos.
A religião responde todas as perguntas.
Não deixa espaço para a dúvida.


Eu já amei...
“Quem ama tudo desculpa, tudo crê, tudo espera tudo suporta.”

Eu já fui criança...
“falava como criança, pensava como criança, raciocinava como criança,
mas então me tornei...”

Hoje, não amo, duvido.
Quem duvida também desculpa, crê, espera e suporta.

Porém, não tudo:
somente a própria dúvida
- inimiga da fé e falsa amiga da ciência.
.

Um comentário:

LuLu disse...

Olha Quel...
E eu duvido...
Duvido q vc não ame...
Acho q vc ama tanto q chega a duvidar se de fato ama mesmo...
Ou talvez que prefere acreditar q ama...
Mas eu tenho fé q vc ama (quem ou o q... aí já são outros quinhentos... rs...)
Bjos...